VICIADOS EM CORRIDA & CICLISMO: A importância do aquecimento antes dos treinos e das provas

sexta-feira, 27 de setembro de 2013

A importância do aquecimento antes dos treinos e das provas

POR MARCO COSTA
FISIOLOGISTA

Mesmo ciente da melhora do desempenho e da diminuição da chance do aparecimento de lesões, ainda é comum vermos atletas que “pulam” a parte do Aquecimento dos treinos e das provas e vão direto para a atividade principal do exercício físico.  Então, por que a realização de um Aquecimento é tão importante para os praticantes?

Respondendo a pergunta acima, o Aquecimento, na realização de qualquer exercício físico, tem a função de preparar o organismo para a parte principal do exercício (seja um treinamento ou uma competição) ao elevar a temperatura do organismo e que a frequência cardíaca também seja aumentada.

No que se refere à elevação da temperatura corporal, está comprovado cientificamente que a hemoglobina (responsável pelo transporte de oxigênio aos tecidos), em temperaturas elevadas no organismo, perde a afinidade com o Oxigênio e isso facilita a liberação deste gás para os músculos em atividade e melhore o desempenho do praticante.
O tempo total do Aquecimento, em média, tem 10 minutos de duração, mas ele deve ocorrer de acordo com a temperatura do ambiente que será realizado o treinamento. Com isso, os atletas devem se aquecer por mais tempo (até uns 20 minutos) em dias frios e, no calor, ele pode ser reduzido para 5 minutos.

Para a frequência cardíaca, o Aquecimento é importante, uma vez que o aumento dos valores dela deve ser gradual e o coração não precisa ser “sobrecarregado” ao sair de valores basais (em torno de 60 a 70 batimentos por minuto) para números correspondentes a esforços máximos ou submáximos na transição de um estado de repouso para a realização de um exercício físico.

A subdivisão do Aquecimento em geral e específico também é um fator importante a ser conhecido.  O aquecimento geral é aquele prepara o organismo para todas as atividades (uma caminhada ou um trote, por exemplo) e o específico se refere à preparação do corpo nos movimentos que o atleta realizará apenas na atividade física que praticará (ex: exercícios educativos na Corrida de Rua, saques no Voleibol, arremessos no Basquetebol, passes no Futebol, etc.).

Vale lembrar que o Aquecimento não deve ser confundido com o Alongamento. Este último pode fazer parte do Aquecimento com o objetivo de ativar as fibras musculares para a atividade física, mas nunca ser feito de forma isolada e ser considerado um exercício de Aquecimento.

É certo que muitos praticantes de atividade física querem que o desempenho deles melhore. Um grande passo para que a evolução dos treinos é a realização do aquecimento antes dos treinos, que deixará o organismo preparado para enfrentar o “desafio” que será enfrentado na parte principal. Não seria uma boa ideia separar uns 10 minutos para o corpo se preparar para o exercício? Ele merece esta oportunidade!

Pronto para competir

Geralmente, a distância da prova determina o tempo de aquecimento. Competições mais curtas, como corridas de 5 km e 10 km, exigem mais tempo de aquecimento porque você terá de alcançar um ritmo mais rápido logo no início da prova. Os maratonistas e meio maratonistas podem usar de 1,5 a 3 km no início da competição para facilitar a transição para o ritmo alvo. Veja a seguir como combinar o aquecimento ao nível de esforço de corrida.

GOSTOU DESTA POSTAGEM, QUER RECEBER AS NOVIDADES EM PRIMEIRA MÃO? ENTÃO CADASTRE SEU E-MAIL LOGO ABAIXO:

Cadastre aqui seu email:

Cortesia de FeedBurner

Nenhum comentário:

Postar um comentário